NELI SILVA

"Há Coisas Escondidas Sutilmente No Recôndito da Alma..."

Textos


A cada novo ano corações transbordantes de sonhos
Em cada alma maravilhosas expectativas. Cada um
À sua maneira comemora os últimos instantes do Ano
Velho. Bebida – Varinha Mágica! Tristeza vira alegria
Ansiedade - euforia. Outros saciam a fome de Paz, Amor,
Aconchego, comendo tudo e mais um pouco. Há os que
Viajam procurando a satisfação, cuja chave está dentro do.
Próprio coração.
Para alguns este Vai ano - Vem ano não significa nada.
Sucumbiram. Já não sonham, não planejam.Nada esperam.
Só bocejam! Enfim é chegada a hora!
O Presente: Trezentos e sessenta e cinco dias! Será entregue
Um pouquinho de cada vez, sem desperdício simplesmente por que.
Cada minuto perdido. Cada segundo jogado ao léu é folha que o
Vento leva para nunca mais voltar!
Neli Silva
Enviado por Neli Silva em 26/12/2015
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras